Crônicas

Um trabalho Inovador
Arnaldo Niskier



No âmbito político, a Associação Brasileira Mantenedora de Ensino Superior registra uma trajetória de 35 anos de luta pelos interesses legítimos das instituições mantenedoras e mantidas, tendo como norte a defesa da livre iniciativa na educação. Merece registro o esforço do atual presidente Janguiê Diniz em promover a articulação do setor com os órgãos governamentais. Com uma atuação combativa, ousada, firme e independente, atuando com ética e responsabilidade. Apresentando sempre novas propostas para a melhoria do ensino superior, a atual gestão enverga a necessária postura negociadora sem subserviência.
 
Com o apropriado slogan “Uma nova fase se constrói com um trabalho inovador”, Diniz, de forma participativa e colaborativa, reposicionou a ABMES, garantindo que os interesses do setor estejam sempre no protagonismo. A ABMES continua escrevendo sua história, contemplada por um dirigente competente, inteligente e competitivo, que privilegia o diálogo sem nunca perder o foco na defesa de suas teses, das ações e dos direitos e interesses do segmento que representa.
Homenagear, em qualquer situação, os professores é uma questão de justiça.  Devemos ser gratos a esses heróis que transformam vidas e são dominados por belíssimos sonhos.  Homens e mulheres, assim envolvidos, merecem o nosso profundo respeito.
 
A atual diretoria evolui e avança na consolidação da base e dos princípios norteadores de sua principal finalidade estatutária, sem perder de vista a transparência e imparcialidade. Com o voto de confiança de seus associados, Janguiê Diniz mantem, como sua diretriz principal, a valorização da tradição, conjugada à inovação científica e tecnológica, ao empreendedorismo e à ousadia corajosa, independente, responsável e ética em defesa dos direitos e interesses dos mantenedores do ensino superior particular.
 
O presidente da ABMES personifica o exemplo de que a educação é uma forma concreta de mobilidade social. Foi estudando que Janguiê Diniz conseguiu cursar direito e letras, fazer pós-graduação, mestrado e doutorado. Conhece bem a realidade dos professores, porque também foi Professor efetivo (concursado) da Faculdade de Direito do Recife e Professor titular de Processo Trabalhista da UNINASSAU. É autor de 15 livros nas áreas do Direito e da Educação Superior. De origem humilde, o empresário paraibano é hoje o rei da educação do Norte e Nordeste. A história de vida de Janguiê Diniz parece revelar uma identidade natural com os sonhos de cada um dos mais de 150 mil estudantes que circulam diariamente pelas instituições de ensino do Grupo fundado por ele.
 
As escolas não são máquinas de ensino.  O papel de liderança do professor é fundamental para reverter a situação mecanicista que ainda predomina em nossas salas de aula.  Mas para isso é necessária a mudança na cultura organizacional, criando-se um clima motivador à participação e à criatividade.
 
  • Twitter - Arnaldo Niskier